sexta-feira, 19 de junho de 2020

O deputado estadual Sivaldo Albino (PSB), líder da legenda socialista na Assembleia Legislativa, tem demonstrado preocupação com o retorno à normalidade dos segmentos econômicos de Garanhuns. O deputado inicia uma série de conversas com lideranças e instituições para colher dados e sugestões que ajudem o município neste momento que precisa impulsionar a economia, inclusive regional.

“Vamos conversar com a CDL, representantes dos colégios, universidades, setores produtivos da indústria e de serviços, como o Polo Médico, produtores rurais, comerciantes informais, feirantes, entre outros. Destes diálogos podemos entender cada setor e como podemos projetar um retorno às atividades sob as regras determinadas por governos e instituições de saúde, mas que privilegie a volta do desenvolvimento municipal. É hora de trabalhar.” – Afirma Albino.

O deputado tem sido elogiado por sua atuação nos últimos meses em defesa do município. “Consegui, junto ao Governo do Estado, leitos de enfermaria e UTI para o Hospital Dom Moura, UPAE e Hospital Nsa. Sra. Perpétuo Socorro, mais de 200 profissionais de saúde contratados, uma UTI móvel, emenda de nosso gabinete no total R$ 568 mil e outra emenda de R$ 370 mil do deputado João Campos (PSB), ambas para o Hospital Dom Moura, e ainda R$ 60 mil para cestas básicas, entre outras ações.

Foram estas ações, da nossa parceria com o governador Paulo Câmara, que permitiram Garanhuns vencer este período crítico. Vamos continuar trabalhando. ” – Afirma o deputado, que conclui: “Embora o momento ainda seja de enfrentamento ao Covid-19, precisamos planejar ações que impulsionem Garanhuns na reabertura económica, e isto só se faz ouvindo e unindo todos neste novo desafio” – Finaliza.

quinta-feira, 18 de junho de 2020

O governador Paulo Câmara apresentou o cronograma para implantação de sistemas de dessalinização, nesta quinta-feira (18), que definiu o início das obras do Programa Água Doce para a primeira semana de julho. As cidades de Manari (Sertão do Moxotó) e Itaíba, Águas Belas, Iati, Paranatama, Caetés e Capoeiras, no Agreste Meridional, serão as primeiras beneficiadas. Inicialmente, serão instalados 93 sistemas de dessalinização dos 170 previstos, beneficiando cerca de 30 mil pessoas, de um total de 60 mil que passarão a ter acesso à água potável quando a implantação estiver finalizada.

Com um investimento de R$ 36,9 milhões, dos quais R$ 3,7 foram desembolsados pelo Estado e R$ 33,2 milhões da União, a previsão para conclusão dos sistemas em 21 municípios é de até dois anos. O secretário de Desenvolvimento Agrário, Dilson Peixoto, e os prefeitos desses municípios acompanharam a apresentação.  Os municípios com maior dificuldade de acesso à água foram priorizados. Essa escolha levou em consideração o Índice de Criticidade de Acesso à Água (ICA), que contém indicadores, como Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), pluviometria, taxa de mortalidade infantil e intensidade de pobreza.

SOBRE O PROGRAMA – O Programa Água Doce integra um conjunto de ações com foco na melhoria da infraestrutura hídrica no Agreste e Sertão do Estado. Além dos sistemas de dessalinização, estão em curso o Programa de Integração do São Francisco (PISF), que beneficiará 12 mil pessoas residentes em comunidades localizadas em um raio de até cinco quilômetros de distância dos canais Norte e Leste da Transposição, e a implantação de cisternas e perfuração de poços.

quinta-feira, 18 de junho de 2020

A Prefeitura de Garanhuns entregou, nesta terça-feira (16), a Unidade de Tratamento Covid-19, que vai contar com 30 leitos de retaguarda de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus. A estrutura, localizada no bairro Francisco Figueira (Cohab II), foi totalmente readequada para atender pacientes com quadro estável da Covid-19, encaminhadas de acordo com protocolos pré-estabelecidos de regulação. A entrega dos leitos aconteceu na noite de hoje, com a presença do prefeito de Garanhuns, Izaías Régis, que também visitou as instalações da unidade.

Também acompanharam a visita o vice-prefeito Haroldo, a secretária municipal de Saúde, Nilva Mendes, e o secretário adjunto de Saúde Harley Davidson. O prefeito Izaías Régis destacou a importância do dispositivo para o enfrentamento à pandemia. “Foi um trabalho incansável para entregar uma grande estrutura, que vai oferecer qualidade no tratamento e recuperação de muitas pessoas. É uma obra para além da pandemia, que irá beneficiar milhares de garanhuenses”, pontuou o gestor municipal.

O prédio recebeu diversas adequações no piso, teto, parte elétrica e hidráulica, e instalação de rede canalizada para oxigênio; entre outras mudanças necessárias para seu funcionamento. Toda a obra foi submetida a avaliação do Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE-PE). No último mês, equipes estiveram trabalhando em três horários, durante todos os dias da semana, incluindo sábados, domingos e feriados. “Quero agradecer a todos os envolvidos para que essa estrutura fosse entregue. Aqui, os profissionais da área de saúde estarão atuando 24 horas por dia, para garantir a saúde da nossa população neste momento crítico”, pontuou a secretária municipal de Saúde, Nilva Mendes.

Durante a ocasião ainda foi apresentada uma nova ambulância, que vai integrar a frota municipal, sendo de uso exclusivo para o combate à pandemia do coronavírus, e ficará à disposição da Unidade de Tratamento Covid-19. Após a entrega, a unidade esteve aberta e também recebeu a visita de vereadores e outras autoridades do município.

Além dos leitos, a estrutura conta com um local específico para exames laboratoriais, sala de estabilização, radiografia, eletrocardiograma; e também de uma área para o atendimento humanizado e disponibilização de informações, por meio de boletins diários, para as famílias dos pacientes. Ainda foram instalados um gerador e um transformador, para garantir o fornecimento de energia elétrica, de forma que os tratamentos não sejam interrompidos por quedas de energia.

O local receberá uma equipe multiprofissional, formada por médicos, enfermeiros, psicólogos, nutricionistas, farmacêuticos, assistentes sociais, técnicos de enfermagem, técnicos de radiologia, e demais profissionais da área de saúde. Além de contar com diversos equipamentos médico-hospitalares, tais como aparelhos de radiografia, eletrocardiograma, entre outros, que continuarão sendo utilizados após a pandemia, no Centro de Especialidades Médicas e de Diagnóstico (Cemig) do município.

quinta-feira, 18 de junho de 2020

Com o monitoramento constante e o controle do número de casos de infectados pelo novo Coronavírus, o Governo de Pernambuco anuncia o avanço de mais uma etapa do Plano de Monitoramento e Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19. A partir da próxima segunda-feira (22), os shopping centers poderão reabrir de forma controlada ao público (30% da capacidade), em horário reduzido, das 12h às 20h, seguindo novos protocolos de segurança, higiene e comunicação com os clientes. As demais lojas do varejo de rua também voltarão a funcionar, das 9h às 18h, horário já determinado para as de até 200 metros quadrados, que retomaram as atividades no início desta semana.

A construção civil, que estava operando com 50% de sua carga operacional desde o dia 8, agora funcionará com 100% do seu efetivo, tanto na Região Metropolitana do Recife (RMR) quanto nas cidades do Interior. Os 85 municípios do Agreste e da Zona da Mata (Norte e Sul) que apresentaram aumento na demanda por leitos de terapia intensiva, no entanto, continuarão sob monitoramento e não estão autorizados a ampliar as regras de flexibilização das atividades econômicas por enquanto. Estas cidades permanecem enquadradas na segunda etapa (conferir o detalhamento ao final do texto).

No caso dos shoppings, o acesso às áreas comuns deverá ser controlado pela administração. Além do horário restrito de funcionamento, só poderá haver um cliente para cada dez metros quadrados de área de circulação. As praças de alimentação só poderão funcionar para delivery e coleta. Dentro das lojas, assim como determinado anteriormente para o varejo de rua, a regra é 20 metros quadrados por cliente. Por exemplo: num estabelecimento de 200 m², deverá haver no máximo dez consumidores ao mesmo tempo no interior da loja. A equipe não entra no cálculo. 

Todas as orientações a respeito do funcionamento do comércio varejista e atacadista, construção civil, serviços médicos, salões de beleza, serviços de estética, concessionárias e empresas de locação estão disponíveis para consulta na internet, no site oficial www.pecontracoronavirus.pe.gov.br, na seção “protocolos setoriais para evitar a transmissão da Covid-19”. O processo de reabertura da economia foi dividido em 11 etapas, e tem se desenvolvido de acordo com os indicadores da saúde.  

RESTRIÇÕES NO INTERIOR: Como o comportamento da curva de contaminação no interior do Estado fez o Plano de Convivência das Atividades Econômicas com a Covid-19 estacionar em 85 cidades do Agreste e Zona da Mata, nas regiões de Caruaru, Garanhuns, Palmares e Goiana, essas localidades permanecem com seguindo as regras determinadas no calendário de flexibilização até o dia 10 de junho, quando voltaram a funcionar clínicas e consultórios médicos, odontológicos, fisioterapêuticos, psicológicos e veterinários.

Portanto, nas cidades enquadradas neste grupo, só estão autorizadas a operar lojas de material de construção e comércio atacadista (respeitando protocolos); delivery e drive thru do comércio varejista de rua e de shopping centers; construção civil com 50% de seu operacional e os serviços de saúde já relatados. Treinos de futebol profissional, no entanto, estão autorizados a acontecer.

CRITÉRIOS PARA REABERTURA: Desde o anúncio do Plano de Convivência com a Covid-19, no dia 2 de junho, têm sido considerados a relevância socioeconômica dos setores e os riscos que o retorno de cada atividade representa, no tocante à disseminação da doença. Todos os setores estarão sujeitos a novos protocolos de segurança, que são baseados em distanciamento social, regras de higiene e monitoramento e comunicação. 

O estudo que determina as etapas de convívio e reabertura das atividades econômicas foi produzido pelo Comitê Socioeconômico de Enfrentamento ao Coronavírus, do Governo do Estado, em diálogo com as federações de representações empresariais e a Consultoria Deloitte, que utilizou pesquisas de referência mundiais e nacionais. 

quarta-feira, 17 de junho de 2020

MATÉRIA DO PORTAL AGRESTE VIOLENTO: Em Garanhuns já está definido. O grupo governista terá o médico Silvino Duarte (PTB) como futuro candidato a Prefeito. A confirmação partiu de Izaías Régis (PTB), atual prefeito, e que após dois mandatos, detém uma avaliação positiva de mais de 70% da população. “O candidato a Prefeito do povo de Garanhuns será Dr. Silvino, que tem relevantes serviços prestados à nossa cidade em todos os setores, principalmente na saúde, na educação e na área social. A decisão foi referendada por pesquisas eleitorais, que sinalizam uma grande força e vantagem do nosso grupo, para que a nossa cidade siga em frente e no rumo certo”, disse Izaías.

Silvino Duarte é médico dermatologista e governou Garanhuns entre os anos de 1997 e 2004, tendo deixado a Prefeitura bem avaliado com mais de 80%, tanto que suas principais realizações ainda permanecem vivas na memória dos Garanhuenses. “Silvino investiu muito na saúde, educação e no social, todos lembram. Mas também estruturou a Cidade e fez diversas obras importantes de infraestrutura, com destaque para a construção do Aterro Sanitário; da Esplanada Guadalajara (atual Praça Mestre Dominguinhos); do Pórtico e urbanização do principal acesso a Cidade; além das reformas da Avenida Rui Barbosa; do Parque Euclides Dourado; do Cristo do Magano entre outros atrativos turísticos da Cidade.

Dr. Silvino também abriu avenidas, interligando bairros e ampliando a mobilidade urbana, além de pavimentar e sanear centenas de ruas na maioria bairros de Garanhuns. Ele tem respeitabilidade e uma história de realizações, para que junto com a nossa colaboração, possa voltar a governar Garanhuns”, registrou o atual vice-prefeito de Garanhuns, Haroldo Vicente (PRB), que será o companheiro de Silvino na futura chapa.

Depois de ter exercido os cargos de vereador, vice-prefeito e de prefeito, além de funções importantes na saúde municipal e estadual, Dr. Silvino, que nos últimos anos esteve voltado à família e a medicina, se mostra atualizado e motivado para voltar a disputar a Prefeitura. “Estou motivado para voltar a governar Garanhuns, valorizando as pessoas, a saúde, educação, infraestrutura, turismo e neste momento de Pós-pandemia toda a área social e de qualificação profissional. Iremos apresentar projetos inovadores para as mulheres, os jovens e os mais vulneráveis, sem esquecer as demais áreas.

Me atualizei nos últimos anos, através de cursos e capacitações, e tenho certeza que com o aval do povo de Garanhuns, montaremos uma grande equipe e realizaremos mais um grande Governo”, destacou Dr. Silvino. Além dos apoios de Izaías e de Haroldo, a pré-candidatura de Silvino também conta com grandes lideranças empresariais, políticas e comunitárias, nove dos treze Vereadores do Município e do ex-senador Armando Monteiro (PTB), que detém um grande vínculo com Garanhuns. Fonte: Portal Agreste Violento

terça-feira, 16 de junho de 2020

O boletim diário dessa terça-feira (16/06), da Secretaria de Saúde de Brejão, informou uma alta nos casos confirmados para a COVID-19, subindo de 2 para 5. Vale ressaltar que até o momento 2 pessoas estão totalmente recuperadas da doença.

Na nota, o Governo de Brejão disse que seguirá intensificando ainda mais as ações de combate e enfrentamento ao Coronavírus, no entanto, aproveita para reforçar a importância do isolamento social como umas formas mais eficientes para conter o avanço da pandemia. A Secretaria pede que as pessoas evitem sair de casa desnecessariamente, e se de fato precisar sair, não esqueçam de usar a sua máscara.

segunda-feira, 15 de junho de 2020

Moradores que residem no centro de Paranatama tiveram um grande susto na tarde desta segunda-feira (15), com a queda de uma árvore muito antiga que ficava na praça João Correia de Assis. Segundo foi apurado pelo Blog, no momento da queda chovia e ventava muito na cidade, e câmeras flagraram o momento exato quando a árvore foi arrancada. Apesar do susto, ninguém ficou ferido. Passado os contratempos, a prefeitura local começou a fazer a limpeza da rua.

domingo, 14 de junho de 2020

O governador Paulo Câmara comandou reunião, na manhã deste domingo (14), com o Gabinete de Enfrentamento à Covid-19 para avaliar os últimos dados da pandemia em Pernambuco. De modo geral, conforme as informações apresentadas pela Secretaria Estadual de Saúde, os números mostram que a curva de contágio continua em fase decrescente no estado.

“Avaliamos semanalmente os dados de comportamento da doença em todas as regiões do Estado. É possível afirmar que temos uma tendência de queda, de maneira geral, nos números de casos e óbitos, além de uma diminuição da demanda por serviços de saúde”, disse o governador.

Estiveram presentes à reunião os secretários Bruno Schwambach (Desenvolvimento Econômico), Décio Padilha (Fazenda), André Longo (Saúde) e Alexandre Rebêlo (Planejamento e Gestão). As informações repassadas são alguns dos parâmetros utilizados pelo Governo do estado para definir a estratégia de enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

Amanhã, o Plano de Convivência com a Covid-19 entra em sua terceira etapa com a reabertura do comércio de rua e de salões de beleza e estética. A retomada desses segmentos está liberada em todo o Estado com exceção de 85 municípios das regionais de saúde de Palmares, Goiana, Caruaru e Garanhuns. Essas cidades apresentaram alta demanda por leitos de terapia intensiva e permanecem com o varejo e os salões fechados.

sábado, 13 de junho de 2020

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, informa que foi confirmado um óbito por Covid-19, neste sábado (13). Trata-se de um homem, de 84 anos, morador do bairro Aloísio Pinto, que já havia sido diagnosticado com a doença, e veio a óbito ontem (12), em hospital da rede pública estadual.

O boletim de hoje registra também a confirmação de três casos para Covid-19 no município. As pessoas que testaram positivo para Covid-19 estão em fase de isolamento/tratamento, e permanecem sob o monitoramento da equipe da Secretaria de Saúde.

Outros cinco casos foram descartados, após resultado de testagem laboratorial, e 27 casos seguem aguardando resultado, para posterior confirmação ou descarte da Covid-19.

Atualmente Garanhuns tem 308 casos confirmados de Covid-19. Deste total 21 pessoas vieram a óbito, 206 estão recuperadas após cumprir o período de isolamento domiciliar e não apresentar mais sintomas; e 81 pessoas que foram confirmadas com Covid-19 estão em fase de tratamento e/ou isolamento. Ao todo, 306 casos já foram descartados, após serem submetidos ao exame e obtiverem resultado negativo.

A Secretaria de Saúde reforça o pedido para que a população permaneça em casa! Se for necessário sair, faça o uso de máscara, lembrando também dos cuidados com a higiene. Todos aqueles que não estão envolvidos com os serviços essenciais devem cumprir as medidas de distanciamento social, de acordo com as orientações das autoridades sanitárias.

Mesmo com essa grande quantidade de casos confirmados, a cidade continua com um fluxo intenso de pessoas e veículos no centro, o que dificulta a contenção do vírus. Obs. A foto de capa da matéria foi feita na manhã deste sábado (13).

quinta-feira, 11 de junho de 2020

O governador Paulo Câmara comandou, nesta quarta-feira (10.06), nova reunião, por meio de videoconferência, com prefeitos e prefeitas de municípios do Agreste do Estado. Foi o segundo dia de reuniões da rodada de discussão sobre a regionalização do Plano de Convivência com a Covid-19 em Pernambuco. “Detalhamos o plano, apresentamos os números da pandemia do novo coronavírus nesses municípios e discutimos as possíveis adaptações, de acordo com o perfil de cada região”, explicou Paulo Câmara, ressaltando a importância da análise do cenário epidemiológico.

Ainda segundo o governador, essa iniciativa é fundamental para a tomada de decisões, sempre baseadas em pesquisas técnico-científicas. “Temos trabalhado com transparência e cautela com relação às determinações que fazemos”, pontuou Paulo Câmara, que também vai se reunir com prefeitos do Sertão do Estado. Participaram da reunião a vice-governadora Luciana Santos e os secretários estaduais José Neto (Casa Civil), André Longo (Saúde), Bruno Schwambach (Desenvolvimento Econômico), Alexandre Rebêlo (Planejamento e Gestão) e Antônio de Pádua (Defesa Social).