sexta-feira, 08 de novembro de 2019

O ex-presidente da República Luiz Inácio Lula da Silva (PT) deixou a prisão em Curitiba após decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), nesta sexta-feira (8). Ele – que estava preso desde 7 de abril de 2018 na Superintendência da Polícia Federal (PF) – saiu do local por volta das 17h40 e fez um discurso no qual agradeceu a militantes que ficaram em vigília por 580 dias, dizendo que eles eram “o alimento da democracia que eu precisava para resistir à canalhice que lado podre do Estado brasileiro, da Justiça, do Ministério Público, da Polícia Federal e da Receita Federal”.

Condenado em duas instâncias no caso do tríplex no Guarujá, no âmbito da Operação Lava Jato, Lula cumpria pena de 8 anos, 10 meses e 20 dias. Agora, o juiz Danilo Pereira Jr. autorizou que Lula recorra em liberdade. Em seu discurso ao deixar a prisão, Lula:

  • agradeceu a seus apoiadores que durante 580 dias ficaram perto da sede da PF em Curitiba;
  • disse que “lado podre do estado brasileiro, da Justiça, do MP, da PF e da Receita trabalharam para tentar criminalizar a esquerda, o PT e o Lula”;
  • criticou o procurador Deltan Dallagnol, coordenador da Lava Jato no Paraná, e o ex-juiz da operação, Sérgio Moro, atual ministro da Justiça;
  • afirmou ter “vontade de provar que este país pode ser muito melhor na hora em que tiver um governo que não minta tanto quanto o [presidente Jair] Bolsonaro pelo Twitter”;
  • apresentou a namorada, a quem se referiu como “companheira”, dizendo: “Vocês sabem que eu consegui a proeza de, preso, arrumar uma namorada, ficar apaixonado e ainda ela aceitar casar comigo – é muita coragem dela”;
  • antecipou que viajaria a São Paulo e que “depois as portas do Brasil estarão abertas para que eu possa percorrer este país”.

Nesta quinta-feira (7), por 6 votos a 5, o STF decidiu derrubar a possibilidade de prisão de condenados em segunda instância, alterando um entendimento que vinha sendo adotado desde 2016. A maioria dos ministros entendeu que, segundo a Constituição, ninguém pode ser considerado culpado até o trânsito em julgado (fase em que não cabe mais recurso) e que a execução provisória da pena fere o princípio da presunção de inocência. Fonte: Globo.com

sexta-feira, 08 de novembro de 2019

Quem esteve visitando Paranatama mais uma vez, dias atrás, foi o deputado federal Danilo Cabral (PSB). Ao lado do prefeito Valmir do Leite, Danilo anunciou que conseguiu para  o município, via emenda parlamentar, R$ 800 mil. Desse total, R$ 700 mil serão destinados a saúde e os outros R$ 100 mil à assistência social, com investimentos no Cras e Creas da cidade. Deputado considera o prefeito de Paranatama um parceiro importante e deixou claro que fará tudo para cumprir o seu papel e ajudar na gestão do seu correligionário e aliado político.

Valmir agradeceu a Danilo Cabral, reconhecendo que ele tem ajudado muito na administração. Quando o prefeito tem um bom deputado como aliado facilita muito para conseguir verbas que resultarão em obras ou serviços. O estadual de Valmir do Leite é Claudiano Filho, que também tem sido um parceiro importante do prefeito.

sexta-feira, 08 de novembro de 2019

Em Petrolina, principal cidade do Sertão de Pernambuco, aconteceu semana que passou um evento que mobilizou toda a cidade. Foi o “Julgamento de Lampião”, que aconteceu no Centro Cultural do município sertanejo, atraindo em torno de 800 pessoas para assistirem, mais a mídia, local, estadual e nacional. Evento foi organizado pelo filósofo Anderson Wagner, promotor Fernando Delalata, outros promotores conhecidos como Eliane Gaia, do Recife, juízes e estudantes de Direito das faculdades de Petrolina.

Para fazer o cerimonial deste evento de peso, com a participação de tantas pessoas importantes, foi convidado pelos organizadores o jovem Elvis Amâncio, natural do Sítio Cruz, em Garanhuns, mas que hoje mora e trabalha em Paranatama, servindo ao governo do prefeito Valmir do Leite, que lhe tem prestigiado. Elvis confessa ter ficado orgulhoso pela chance de ter representado essa parte do Agreste do Estado no grande evento realizado em Petrolina.

Ele disse que foi uma coisa impressionante, toda a cidade se mobilizou em torno do “Julgamento de Lampião”, com o comércio, inclusive bares e restaurantes colaborando para o sucesso do verdadeiro espetáculo montado no Centro Cultural petrolinense. Para que ele fizesse o cerimonial à caráter, a organização lhe proporcionou o melhor. Desde a hospedagem no Hotel Velho Chico, até a roupa usada na solenidade, fornecida pela loja Companhia do Terno.

Ao se sair bem, recebendo elogios dos que o contrataram, Elvis ficou satisfeito não apenas por si, mas sobretudo por levar a principal cidade do Sertão de Pernambuco o nome de Paranatama e também de Garanhuns, município polo da região e sua terra natal. O jovem agradece a todos que lhe deram a oportunidade e ao prefeito Valmir do Leite por estar acreditando nele, possibilitando sua ascensão profissional. No próximo domingo, dia 10, o Fantástico vai exibir uma reportagem sobre o megaevento de Petrolina, que teve participação do garanhuense.

quinta-feira, 07 de novembro de 2019

Garanhuns será bem representada na etapa final da 6ª Olimpíada Nacional de Língua Portuguesa. A estudante do 8º ano do Ensino Fundamental da Escola Municipal Mário Matos, Júlia Iasmin Vieira dos Santos, venceu a medalha de prata na etapa regional da prova, realizada no mês de outubro, e poderá ser uma dos 28 alunos vencedores da etapa final, no próximo dia 09 de dezembro. A aluna participa da Olimpíada com o texto “O Sono roubou o tempo”, que aborda a história fictícia do sumiço do ponteiro do Relógio das Flores. 

Segundo o orientador da estudante, o professor Arnaldo Gomes, a olimpíada busca colocar o estudante como protagonista. “Em 2014, tive a oportunidade de concorrer ao título final da Olimpíada e me senti motivado a participar de novo. Este ano, convidei Júlia pois percebi que ela é uma estudante muito boa no que faz e possui muita criatividade na hora de escrever. O aluno é o protagonista da prova e nós, professores, somos os mediadores do conhecimento. No processo de escrita da crônica, nós estudamos notícias e fotos da cidade, para que pudesse ser despertada a sensação de pertencimento e o texto saísse rico em detalhes”, comentou.

Em sua sexta edição, a Olimpíada trabalha o tema “O lugar onde vivo”. A crônica escrita pela aluna garanhuense tem como título “O Sono roubou o tempo” e representa a história do município com os personagens do prefeito, secretários municipais, e personalidades da mídia local buscando descobrir o paradeiro do ponteiro do Relógio das Flores, que some misteriosamente. A ficção traz um ar bem-humorado e tem como referência um dos maiores pontos turísticos da cidade.  

A finalista, Júlia Iasmin Vieira dos Santos, revela que desde a infância gostava de Português. “Quando eu era criança, eu inventava textos retratando a minha vida, gostava de escrever, de ler livros e fazia poemas. Aqui na escola, a gente aprende muito, lê e se diverte. Eu sou muito incentivada pelos meus professores e amigos. As oficinas que a Olimpíada trouxe me ajudaram muito a construir a crônica e fiquei muito feliz quando fui convidada para concorrer”, finalizou.

Mais de 11 mil alunos de todo o país participaram do campeonato. Em Pernambuco, foram inscritos 642 textos e apenas seis foram selecionados para a semifinal. Na final, em dezembro, serão 28 vencedores, divididos em 5 categorias: poema, memórias literárias, crônica, artigo de opinião e documentário, que receberão como prêmio uma viagem com direito a um acompanhante, além de homenagens.

De acordo com o Ministério da Educação, a Olimpíada de Língua Portuguesa é um concurso de produção de textos para alunos de escolas públicas de todo o país. A ação recebe o apoio do Itaú Social, com coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec), a Olimpíada integra as ações desenvolvidas pelo Programa Escrevendo o Futuro. Este ano, a Olimpíada homenageia a premiada escritora mineira Conceição Evaristo.

quinta-feira, 07 de novembro de 2019

A Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE) realizou, nesta quarta-feira (06), uma reunião com os comerciantes de alimentos e bebidas que irão atuar no evento ‘A Magia do Natal 2019’. O encontro foi realizado no auditório da Associação Comercial e Industrial de Garanhuns (Acig) e contou com a presença da secretária de Desenvolvimento Econômico, Janecélia Marins, do representante da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, Piquê Vegas, e das servidoras Flaviana Arruda e Soraya Lima, da Secretaria de Turismo.


Os comerciantes de alimentos e bebidas estarão distribuídos nas proximidades do Palco Prefeitura, localizado na avenida Santo Antônio, e do Relógio das Flores, no bairro Heliópolis. Na avenida Santo Antônio, as barracas serão instaladas nas sextas-feiras pela manhã e retiradas após os shows dos domingos. De acordo com a secretária da pasta, Janecélia Marins, o evento contará com mais de 70 vendedores em atuação.

“Na reunião, nós esclarecemos sobre locais de atuação de cada comerciante, segmentos de vendas, autorizações de iluminação e outras questões, para que a festa ocorra de forma harmoniosa. Vale ressaltar que este ano, serão 47 vendedores de alimentos, bebidas e brinquedos no entorno do Relógio das Flores, e no Palco Prefeitura, contaremos com cinco trailers, uma kombi e 25 estruturas, todas padronizadas”, comentou a gestora. Ainda segundo a pasta, a comercialização será iniciada na sexta-feira (08), a partir das 19h, na abertura oficial do evento, durante as apresentações dos shows.

quarta-feira, 06 de novembro de 2019

Outra grande reviravolta aconteceu na política da cidade de Caetés/PE, no Agreste do Estado. É que o Irmão Naldinho, vereador muito bem quisto pela população e o mais votado nas eleições de 2016, desiste de fazer parte da oposição e volta ao grupo político do prefeito Armando Duarte. Segundo as informações chegadas à redação do nosso Blog, o vereador Naldinho se sente “enganado” pelos oposicionistas, sabendo hoje que tudo não passava de uma armação política.

Depois de muita repercussão com sua saída da situação na semana passada, Irmão Naldinho foi alertado por correligionários de que tudo não passava de uma cruzeta da oposição para desestabilizar o grupo de Armando, o tirando da situação, dizendo que ele seria o candidato a prefeito, e depois, lançariam o verdadeiro nome para disputar a majoritária. Dessa forma, o parlamentar e ex-presidente da Câmara, não passaria de um fantoche político.

Vários foram os áudios trocados entre os membros da oposição se referindo a esta simulação e que chegaram aos ouvidos do Irmão Naldinho. De posse dessas informações, Naldinho, que sempre foi um grande aliado político do atual prefeito decidiu permanecer ao lado dos governistas e em mais um encontro com Armando Duarte e assessores, ficou batido o martelo que ele “FICA”. O vereador Irmão Naldinho ainda está muito triste com toda essa situação, mas vai seguir em frente na política, ajudando os mais necessitados, disse uma pessoa ligada a ele.

O encontro que selou a volta do Irmão Naldinho aconteceu com a presença do Presidente da Câmara Tonho de Nina, o advogado Richarlisson, Armando Duarte e o Irmão Naldinho que disse: “Na realidade, agente as vezes é enganado, né, e tentaram me enganar, mas não deu certo porque Deus é bom, quero agradecer a Armando por ele compreender minha situação. Na rádio eu falei que ele é o melhor prefeito, disse ele.

quarta-feira, 06 de novembro de 2019

O governador Paulo Câmara abriu, nesta quarta-feira (06.11), a Conferência Brasileira de Mudanças do Clima, que antecede a Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP-25), marcada para dezembro, na Espanha. No evento, realizado no Arcádia Paço Alfândega, no Bairro do Recife, o governador reforçou o alerta de que o desenvolvimento sustentável precisa atrair os olhares de todos os povos e nações e exige uma resposta urgente de toda a sociedade.

“Pernambuco tem defendido, há muito, que é preciso dar a atenção devida ao meio ambiente, às questões climáticas. Precisamos buscar ações que garantam um desenvolvimento sustentável, e nessa conferência vamos discutir e analisar temas importantes para o futuro, não apenas de Pernambuco ou do Nordeste, mas de todo o Brasil e do mundo”, alertou Paulo Câmara, reafirmando a disposição de contribuir para a COP-25. “Com certeza, ela vai dar um norte de valores, ações e projetos para que a gente tenha um mundo mais protegido e as ameaças constantes possam ser minimizadas para garantir às futuras gerações uma qualidade de vida cada vez melhor”, acrescentou.

Estiveram presentes à conferência a vice-governadora Luciana Santos, o prefeito do Recife, Geraldo Julio, o presidente do Instituto Ethos, Caio Magri, governadores de diversos Estados, representantes de empresas públicas e privadas, ONGs e movimentos sociais. O evento começou nesta quarta e vai até a próxima sexta-feira (08.11), com o objetivo de promover compromissos empresariais e prioridades para a agenda do clima, florestas e desenvolvimento sustentável, e indicar experiências, negócios, soluções, tecnologias e políticas brasileiras que valorizam, integram e fazem progredir os resultados da governança climática.

Paulo Câmara destacou os esforços do Governo de Pernambuco em favor do meio ambiente. Entre eles, a reativação do Fórum Estadual de Mudanças Climáticas e a implementação de uma política de enfrentamento às mudanças climáticas. “Estamos intensificando o trabalho, reforçando as estruturas dedicadas à questão ambiental. Garantimos duas novas unidades de conservação com 22 mil hectares de caatinga, somando uma área de 150 mil hectares. Estamos investindo no uso de energia limpa, como em Fernando de Noronha, onde já foi iniciado o Programa Carbono Zero, além do Plano Metropolitano de Resíduos Sólidos”, complementou.

Durante o evento, o governador sancionou a lei que institui a Política de Educação Ambiental de Pernambuco, que tem como objetivo fomentar as ações de educação ambiental na escola e na sociedade. Por sua vez, o prefeito do Recife, Geraldo Julio, decretou o reconhecimento da situação de emergência climática global na cidade. “Muitas cidades do mundo já fizeram. Isso faz com que a cidade estabeleça metas de reduções drásticas das emissões de carbono até 2030 e carbono zero até 2050. Muita gente pode achar essas metas ousadas, mas com o passar dos anos todas as cidades vão buscá-las, porque os efeitos do aquecimento global estão sendo mostrados todos os dias pelo planeta à humanidade”, destacou.

O prefeito também lançou a Declaração do Recife, documento que sugere compromissos a serem adotados pelos diversos atores da sociedade brasileira para priorizar o cumprimento da agenda de descarbonização e fortalecimento da resiliência no Brasil. Para Caio Magri, presidente do Instituto Ethos – que organiza a conferência anual – a garantia da integridade da atual e da futura geração é indiscutível, e são necessárias ações coletivas e compromissos definidos por parte de governos, empresas, sociedade civil, academia e movimentos sociais. Entre as iniciativas, está a descarbonização e a implementação da NDC brasileira, documento que registra os principais compromissos e contribuições do país para o acordo climático.

“Entendendo que as agendas climáticas e ambientais transcendem as divergências. Convidamos fortemente todas as empresas, organizações, governos e universidades a se tornarem partes ativas e compromissadas com a descarbonização e com a implementação da NDC Brasileira”, frisou Magri. O presidente do Instituto Ethos lamentou que a conferência seja contemporânea do derramamento de óleo nas praias, maior desastre ambiental do Nordeste. “Realizar essa conferência é quase tão ousado e comprometido quanto a atitude de muitos que, em todo o litoral do Nordeste, limpam as praias com os meios que tem à disposição.

Não sabemos ainda a consequência para a saúde dessas pessoas, mas de seus gestos surge um efeito misto de admiração e indignação, sobretudo a inspiração de uma atitude de podermos engajar a nossa liberdade, participação e comprometimento”, pontuou. O secretário estadual de Meio Ambiente e Sustentabilidade, José Bertotti, destacou que o Brasil tem liderado as questões de enfrentamento às mudanças climáticas e que a sociedade tem compromisso com essa luta. Ele também anunciou que o Governo de Pernambuco apresentaria, na tarde desta quarta, o primeiro inventário de gases de efeito estufa.

“Pernambuco já tem uma política de enfrentamento às mudanças climáticas, mas, a partir do inventário, vamos apresentar que metas mais ousadas Pernambuco vai poder tanto dizer que já fez no enfrentamento às mudanças climáticas como ter números concretos chancelados pela ONU das emissões de gases de efeito estufa, avançando nesse modelo de desenvolvimento sustentável”, afirmou Bertotti. Fotos: Hélia Scheppa/SEI

terça-feira, 05 de novembro de 2019

Na primeira pesquisa sobre a sucessão do prefeito de Garanhuns, Izaias Régis (PTB), o pré-candidato do PSB, Sivaldo Albino, sai na frente, mas com uma pequena vantagem em relação ao pré-candidato do PTB, Haroldo Vicente. Se a eleição fosse hoje, o socialista teria 22,7% dos votos ante 16,3% do trabalhista. O ex-prefeito Silvino Duarte, ainda sem partido definido, vem em seguida com 14,8% e Zaqueu Lins (PP) desponta bem próximo, com 13%. Luizinho Roldão (PCdoB) é preferido por 4,3%, Givaldo Calado (Avante) pontua com 2,8% e Pedro Veloso (PT) tem 2,3%. Brancos e nulos somam 13% e 10,8% dissera m que não sabiam ou se recusaram a responder.

Na sondagem espontânea, na qual o entrevistado é forçado e lembrar o nome do seu candidato sem o auxílio do disquete com todos os postulantes, a situação se inverte e quem sai na frente é Haroldo, com 4,5%, seguido por Sivaldo e Silvino empatados, com 3%. São citados ainda Zaqueu com 2,3%, Roldão com 2%, Veloso com 0,5%, Izaias com 0,3% e Zé da Luz, com 0,3%. Neste cenário, indecisos sobem para 73,6% e brancos e nulos representam 10,5% do universo pesquisado.

O levantamento foi a campo entre os dias 30 e 31 últimos, sendo aplicados 400 questionários, com margem de erro de 4,9 pontos percentuais para mais ou para menos e 95% de intervalo de confiança. A modalidade de pesquisa adotada envolveu a técnica de Survey, que consiste na aplicação de questionários estruturados e padronizados a uma amostra representativa do universo de investigação.  Foram realizadas entrevistas pessoais e domiciliares.

O item rejeição também foi avaliado. Entre os pré-candidatos, o que aparece com maior taxa é Haroldo. Dos entrevistados, 12,3% disseram que não votariam nele de jeito nenhum. Em segundo lugar aparece Givaldo Calado, com 10,3% e em terceiro Sivaldo, com 9,8%. O ex-prefeito Silvino Duarte detém uma taxa de 6,8%, Luizinho Roldão 5,3%, Zaqueu Lins 4,3% e, por ultimo, Pedro Veloso, com 4,0%.

Na estratificação da pesquisa, as maiores de intenção de voto de Sivaldo se situam entre os eleitores com grau de instrução superior (30,9%), entre os eleitores jovens, na faixa etária de 16 a 24 anos (25,4%) e entre os eleitores com renda familiar com mais de dois salários (23,8%). Por sexo, 26,6% dos seus eleitores são masculinos e 20,2% femininos.

Já Haroldo aparece melhor situado entre os eleitores na faixa etária acima de 60 anos (19,4%), entre os eleitores com renda familiar até dois salários mínimos (16,9%) e entre os eleitores com grau de instrução até o 9º ano secundário (17,4%). Por sexo, 22,6% dos seus eleitores são homens e 11,2% mulheres.

PESO DOS APOIOS

O Instituto Opinião sondou também a influência na eleição do prefeito Izaias Régis, que desponta com gestão aprovada pela população. Quando o eleitor é informado que Haroldo é o candidato de Izaias, frente a Sivaldo, igualmente lembrado como candidato do governador Paulo Câmara, o cenário é de empate. Sivaldo aparece com 32,6% contra 31,3% de Haroldo. Neste confronto, brancos e nulos somam 21,8% e indecisos, 14%.

AVALIAÇÃO DE GESTÃO

Da mesma forma, o levantamento incluiu a visão do eleitorado frente aos três níveis de poder – municipal, estadual e federal. O melhor avaliado é o prefeito, que tem 66.7% de aprovação ante 25,8% de desaprovação. O Governo Paulo Câmara tem 40% de desaprovação e apenas 18% de aprovação, enquanto o presidente Bolsonaro aparece como o mais reprovado. Dos entrevistados, 54% disseram que reprovam contra 17% de aprovação. Fonte: Blog do Magno Martins

segunda-feira, 04 de novembro de 2019

Durante a solenidade de assinatura de serviço para a reforma e ampliação da Escola São Vicente, em Saloá, o deputado federal Danilo Cabral (PSB) anunciou que destinará R$ 2,1 milhões em emendas parlamentares para o município em 2020. Os recursos serão investidos nas áreas de saúde, infraestrutura e assistência social. “Só posso retribuir a confiança que o povo saloaense me conferiu com muito trabalho”, afirmou Danilo.

Também estiveram presentes no evento o ex-ministro da Educação Mendonça Filho e os prefeitos Dannilo Godoy (Bom Conselho), Valmir do Leite (Paranatama), além de todos nove  vereadores do município, secretários municipais e representantes da comunidade escolar. A obra na Escola São Vicente marca os 50 anos de sua fundação. Serão investidos R$ 3,5 milhões, beneficiando cerca de dois mil alunos. A unidade passará a contar com biblioteca, auditório para 256 pessoas, laboratórios, pátio principal, novos blocos de salas de aula, além de um refeitório com capacidade para 288 pessoas. “A gestão de Ricardo tem feito investimentos significativos na educação. Isso demonstra a preocupação do prefeito com o futuro das crianças e dos jovens de Saloá”, destacou Danilo Cabral.

Entre as obras realizadas na área pela gestão municipal, estão a criação do Centro de Educação Infantil para atender 250 crianças, a construção de uma creche para o atendimento de 250 crianças, além da melhoria do transporte escolar. “Vamos inaugurar mais cinco escolas na zona rural do município até o ano que vem”, disse Ricardo Alves. Essas unidades serão localizadas no Sítio Santa Tereza, no Povoado Serrinha da Prata, no Sítio Meladinho, na Várzea da Serra e na Cohab Nova e atenderão 1.320 alunos.

Durante a solenidade, o prefeito também elencou as obras que terão início até o próximo ano, como a reforma e ampliação do Hospital Josina Godoy e a pavimentação de ruas. “O investimento na unidade de saúde será de R$ 1.250 milhão, recursos de emendas de Danilo”, disse Ricardo Alves. O projeto está em análise na Caixa Econômica Federal. Segundo o gestor, na primeira etapa de pavimentação, serão realizadas obras na Rua José Vilela, Avenida Getúlio Vargas e na Praça São Vicente. “Também são recursos de emenda de Danilo”, informou.

sábado, 02 de novembro de 2019

O corpo de um jovem de 25 anos foi encontrado na tarde deste sábado (2), enterrado e em estado de decomposição nas proximidades da BR 423 no Município de Paranatama/PE, no Agreste do Estado. O cadáver foi identificado como sendo de Lucas Alexandre Pereira, desaparecido há alguns dias e que estava sendo procurado pelos familiares. Não se sabe ainda o motivo e a causa da morte. O IML foi acionado e levou o corpo para autópsia na cidade de Caruaru. O caso será investigado pela Delegacia de Polícia Civil de Paranatama. Foto: Blog Agreste Violento